(((Sugestões do Menu)))

Nesse post, vou sugerir alguns discos que estão disponíveis no blog. É uma maneira pra que você baixe discos de forma rápida, lendo pequenas notas sobre os respectivos discos.

Não esqueçam de entrar em nossa comunidade no Orkut!

Salamander - Doug Gillard
Ex-guitarrista do Guided by Voices, aclamada banda de rock alternativo no estilo lo-fi, Doug Gillard mostra seu trabalho solo de forma excepcional com canções suaves, com levada agitada. Embora para mim o fim do GBV seja trágico, Gillard prova que há vida fora da banda.

Gypsy Punks: Underdog World Strike - Gogol Bordello
Punk cigano? Sim, ele existe. Sob comando de Eugene Hütz, o carismático vocalista da banda, o Gogol Bordello traz características da música cigana, como o violino e o acordeon e mescla com a explosão punk. É imperdível!

Our Love to Admire - Interpol
Se você é fã, é melhor baixar. Afinal, o Interpol faz show em março aqui no Brasil, e com certeza vão apresentar o novo disco lançado este ano. Esse novo trabalho mescla diversas características do dois discos anteriores. Mesmo não tendo feito nenhuma modificação no som, existe aquele ditado: "em time que está ganhando, não se mexe".

Doin' Allright - Dexter Gordon
Disco do genial saxofonista, uma das figuras principais do envolvente bebop (vertente do jazz que valorizava o improviso de notas). Com toque suave e descontrolado ao tocar. Um verdadeiro gênio.

The Complete Stone Roses - Stone Roses
Ótima compilação de grandes hits da banda. Conta com versões alternativas de 'Sally Cinnamon', por exemplo, proporcionando ar de novidade. Mas mesmo que não houvesse atrações como essa, só o fato de ser Stone Roses, já vale a pena. E muito.

In Rainbows - Radiohead
Novo disco da banda inglesa. Causou estardalhaço ao disponibilizar o download completo do disco "pelo preço que você achar justo". Realmente é o disco mais rock desde The Bends e conta com ótimas canções que nos remetem ao OK Computer.

Sky Blue Sky - Wilco
Lançado nesse ano, é uma obra baseada em arranjos completos e perfeitos da banda mais madura que se tem notícia. A guitarra de Nels Cline é fulminante e a voz de Jeff Tweedy continua sublime.

At Folsom Prison - Johnny Cash
Na minha opinião, o melhor disco ao vivo. Cá entre nós, mesmo que fosse uma apresentação de Johnny Cash pra 3 pessoas, seria o melhor. Mas a atração é o público, prisioneiros da Folsom Prison. Cash se identifica com seu público e os homenageia. O homem de preto detona.

Andrew Bird's Bowl of Fire - The Swimming Hour
Uma ode ao violino. Andrew Bird é mais que perito no instrumento, fazendo dele uma mini-guitarra explosiva, destilando notas e mais notas em canções agitadas ou efervescentes. A voz dele é impressionante e a banda que o acompanha é perfeita.

Teenager - The Thrills
Terceiro disco da banda, mostra a franca evolução deles, com canções que ainda soam um pouco com os trabalhos anteriores, mas também mostra uma veia mais indie rock, com algumas canções mais pop. A voz de Conor Deasy continua rouca e brilhante.

0 Opinião(ões) de nosso(s) leitor(es):