OK Computer - Radiohead

Embora muita gente prefira o ambiente rock do The Bends, o disco definitivo do Radiohead, aquele que fincou os pés do grupo na cena rock como grande nome, foi o OK Computer. O som deles nesse disco é uma síntese perfeita do progressivo bem elaborado do Pink Floyd com a vocação pop do R.E.M e o peso dos Pixies. Não há dúvidas sobre a importância do disco, principalmente por incrementar o som com elementos eletrônicos caprichosamente distribuídos ao longo das músicas. As batidas também, não soam pesadas, mas sabem se firmar quando são exigidas, principalmente quando o pau come solto em trechos de guitarras estridentes. Está entre os cinco melhores discos dos anos 90.

'Airbag' tem batidas abafadas porém de sonoridade macia que se juntam a um baixo pesado e pausado e ambos giram em torno de uma guitarra que lança acordes contínuos. 'Paranoid Android', dispara como a melhor faixa, vem com um clima acústico graças a notas de violão que brilham junto a oportunistas trechos de guitarra. A batida é perfeitamente integrada com todos os alto e baixos melódicos, onde a paz inicial é interrompida bruscamente com consistente guitarra de base enquanto um solo é disparado ao fundo. A voz de Thom York é uma instabilidade perfeita, aguda ao extremo e poderosa quando os berros são vomitados incesantemente. A parte mais genial do disco é quando o vocalista canta "rain down, rain down, come on rain down on me". Vozes se interpoem à de York criando um pano de fundo perfeito, vocal harmônico angelical. Na minha humilde opinião é a música mais bela da década de 90. 'Let Down' é de melodia muito bem construída e expoe de forma magnífica a poesia desconexa de York:

You know, you know where you are with
You know where you are with,
Floor collapsing, falling, bouncing back
And one day I'm gonna grow wings


Quem ouve, se emociona, novamente pela harmonia impecável das vozes agregada a pequenos efeitos eletrônicos. 'Karma Police' é outro grande sucesso do disco, usufruindo de ótimas notas de piano e um compasso pesado de bateria. A atração é o piano que é tocado de forma sublime, com ótimas levadas de violão e uma letra excêntrica:

Karma Police, arrest this girl
Her Hitler hairdo, is making me feel ill


'Electioneering' sai da elaboração complexa das últimas músicas citadas e cai de cara num rock pesado, simples, agitado e que agrada. 'Lucky' volta a deixar o som monocromático (?) com um clima sombrio estimulada pela voz de York, que cabisbaixo, entoa a letra melancólica.

Um verdadeiro épico musical de nossa era. Um orgulho para nossa geração, que é tão depreciada por não ter ídolos como antigamente. Bem, daqui uns 30 anos, grandes compositores, cantores, grandes bandas, serão elevadas a postos que hoje são ocupados por Rolling Stones, Led Zeppelin, Ramones, Pink Floyd, AC/DC entre outros. Pode ter certeza, elas continuarão sendo cultuadas, mas novas lendas surgirão e o Radiohead estará no topo.

*Sugestão de Eduardo

Set List

1- Airbag
2- Paranoid Android
3- Subterranean Homesick Alien
4- Exit Music (For a Film)
5- Let Down
6- Karma Police
7- Fitter Happier
8- Electioneering
9- Climbing Up the Walls
10- No Surprises
11- Lucky
12- The Tourist

Baixar o disco!

DICA: Se você quiser localizar um disco ou artista, veja nosso menu ao lado direito da tela ou simplesmente pressione Ctrl + F para localizar.

2 Opinião(ões) de nosso(s) leitor(es):

amei! adoro esse cd, em especial paranoid android... passei um bom tempo sem ouvir, procurando pra baixar #nostalgia achei teu blog. parabens ;* Glei.