Electro-Shock Blues - Eels

Se em Beautiful Freak (primeiro trabalho da banda lançado em 1996) o Eels primou por batidas mais acentuadas e cheias de estampido, em Electro-Shock Blues a banda já se vale de outras influências, como o blues (como sugere o nome do disco), com acordes imperando sobre a percussão, embora esta não tenha sido extinta como elemento forte, se apresentando clamorosa em várias faixas, junto à notas fragorosas de guitarra que se locomove numa metamorfose de ruídos impressionante. O disco lançado em 1998 é visto como a uma feliz continuação do trabalho bem iniciado por E (líder da banda) e companhia, trazendo alguns novos efeitos, bruscos em sua excentricidade, essenciais para a estruturação de um trabalho tão complexo. E como já disse que as batidas não foram extintas, logo se deduz que o baixo permanece oscilante porém rijo e inquebrantável, enrolando a melodia com cabos resistentes de notas graves e destacadas. As letras expressam tristezas e frustrações da vida do músico líder da banda. Títulos curiosos como 'Cancer for the Cure' infestam as faixas. Ótimo disco para quem não se conformou apenas com o primeiro trabalho deles (que também está disponível em nosso blog).

*Sugestão de Ruy

As faixas em vermelho são as recomendações do RockTown! Downloads.


Set List

1- Elizabeth on the Bathroom Floor
2- Going to Your Funeral, Pt. 1
3- Cancer for the Cure

4- My Descent Into Madness
5- 3 Speed
6- Hospital Food
7- Electro-Shock Blues
8- Efils' God
9- Going to Your Funeral, Pt. 2
10- Last Stop: This Town
11- Baby Genius
12- Climbing to the Moon
13- Ant Farm
14- Dead of Winter
15- The Medication Is Wearing Off
16- P.S. You Rock My World

Baixar o disco!

BUSCA!
Agora o blog conta com uma busca específica no menu ao lado. Procure discos e bandas/artistas em nossa busca! Serão listados todos os posts onde o nome procurado foi citado.

3 Opinião(ões) de nosso(s) leitor(es):

comentei fora de ordem dos posts.
mas é lindo mesmo.
sem palavras.
senti isso quando ouvi pela primeira vez Cocteau Twins.

que não tem nada a ver com esse trabalho.

é quase o avesso, mas muito é bom.
é PipoKo, tu é o cara.

obrigado.

Eels é uma banda espetacular, já ouvi três discos da banda e fiquei simplesmente maravilhada pelo som de E e companhia.
Gostei de ler sua resenha e ver que suas recomendações conferem com as minhas.
Ótimo post!

Hasta More!!!

O link não tá mais funcionando, tem como postar novamente? valeu!